Lares Temporários que viraram definitivos!

2 maio

Dentre as muitas coisas que nos fazem felizes no nosso trabalho de proteção, uma delas é quando uma família que se dispõe a fazer lar temporário se apaixona pelo cão e torna a adoção oficial.

Vou apresentar aqui as últimas histórias de lares temporários que viraram definitivos nos últimos meses e eu estava devendo para vocês:

ILCA foi uma senhorinha muito simpática que assumimos em péssimo estado após a pessoa que a resgatou ameaçar jogá-la novamente na rua pois não tinha condições de pagar seu tratamento.

Uma de nossas voluntárias estava na clínica nesse momento e não podíamos deixar que uma cadelinha idosa, muito magra, debilitada e com poucos dentes voltasse para uma vida de sofrimento.

Camila logo se prontificou a oferecer Lar Temporário para esta senhora, certa de que não iria adotá-la.

O tratamento de Ilca demorou muito tempo, ela tinha uma doença do carrapato persistente, teve que fazer alimentação reforçada, fez cirurgia de reconstrução na boquinha, foi vacinada, castrada e, finalmente, ficou prontinha para adoção.

Neste momento, Camila não resistiu, já estava apegada a Ilca, que parece que remoçou vários anos desde o resgate, e a adoção foi consumada!

Ilca está saudável, feliz e adaptada e agora desfruta do carinho da mãe, da avó e de uma irmãzinha adotada posteriormente.

Ilca com a mamãe Camila

Ilca com a mamãe Camila

Ilca e a irmã Florita desfrutando o conforto do sofá

Ilca e a irmã Florita desfrutando o conforto do sofá

BRUCE foi outro senhor que assumimos após recebermos um apelo por e-mail. Temendo que ele parasse em mãos erradas, virando um procriador, assumimos sua tutela.

Apesar da idade avançada, cerca de 9 anos, inúmeros pessoas fizeram contato conosco querendo adotá-lo, afinal, trata-se de um cão porte pequeno e de raça.

Após uma avaliação criteriosa, decidimos que Camila e sua família tinham todos os requisitos para fazer nosso Bruce muito feliz.

Bruce foi recebido com muito amor e alegria, passou por tratamento, foi vacinado, castrado e a adoção foi oficializada! Ficamos muito contentes!

Bruce com sua mãe e irmão-humano

Bruce com sua mãe e irmão-humano

CHICO foi um sortudinho que chegou para lar temporário na casa de Carla com direito a cartaz de boas-vindas e mesa de festa. Tinha como não virar adoção?!

Nosso menino que fugiu da gente por meses no bairro Peixoto, em Copacabana, passou por hospedagem e outro lar temporário com o amigo Daniel, foi tratado de uma doença do carrapato persistente, foi vacinado, castrado e entrou definitivamente para a família.

Não poderia haver cãozinho mais mimado que Chico, super amado pela família, dormindo na cama, sendo bastante agarrado, passeando, sempre ganhando carinho… As fotos no Facebook denunciam e a gente, claro, ADORA!

Mais uma excelente adoção que nos deixou muito felizes e agradecidas.

Chico em família

Chico em família

BAMBINA foi resgatada em Botafogo e estava aos cuidados de uma senhora que não podia mais ficar com ela. Assumimos sua tutela e logo Érica ofereceu lar temporário.

A chegada à casa dela foi tensa. Seu cãozinho Ficko é o oposto de Bambina, super agitado, ativo e brincalhão. Foi pulando em Bambina, que se acuou.

Érica tirou a fase de adaptação de letra e logo os dois se tornaram melhores amigos, super grudados. Além, claro, da nossa fofinha ter conquistado toda a família e amigos, que faziam coro pela adoção.

No dia da castração de Bambina, Ficko ficou arrasado, procurava a amiga pela casa e, então, Érica teve a certeza: Bambina já era parte da família. Logo que chegou da cirurgia, a adoção foi consumada! Ebaaaa!!!

Bambina e a mamãe coruja Érica

Bambina e a mamãe coruja Érica

bambina2

Curtindo uma preguiça com o irmão e super-companheiro Ficko

TITA foi resgatada por um protetor que frequenta a mesma clínica que nós e faz um trabalho de castração e devolução às ruas. Porém Tita precisou ficar mais tempo na clínica pois estava sem um pelo no corpo, com muita sarna.

Acompanhamos todo o seu processo de tratamento e, quando finalmente chegou a hora dela sair da clínica, nós decidimos que ela merecia uma chance de ganhar uma família e assumimos o seu caso.

Dafne já tinha entrado em contato conosco se oferecendo para fazer Lar Temporário. Tita foi pra lá, chegou de mansinho, foi se soltando, se apegando cada vez mais à família e vice-versa.

Várias pessoas fizeram contato querendo adotá-la, no entanto na hora H, por motivos diversos, desistiam. Será que era um sinal de que ela JÁ ESTAVA em sua família definitiva?!

Após muito pensar e ponderar, Dafne e seu marido decidiram que Tita não sairia mais daquela casa! Nós, claro, amamos a decisão!

Tita com os pais

Tita com os pais

ZACK e JOANINHA são irmãos de ninhada e foram resgatados por nossa amiga e voluntária Cristina Linhares bem filhotinhos. Ambos foram para uma hospedagem em Friburgo e, quando voltaram, começamos a procurar lares temporários.

Vera e seu marido logo se prontificaram a oferecer LT para Joaninha, mas continuávamos a busca por uma família temporária para seu irmão.

Até que, para nossa surpresa, o casal decidiu abrigar os dois irmãos, mas a intenção era adotar apenas a fêmea. Logo o discurso mudou, Zack também conquistou a família e decidiram pela adoção conjunta!

Após a vacinação e castração, finalmente, era hora dos dois entrarem para a família de papel passado!

Jojo, Zack e seus pais

Jojo, Zack e seus pais

THOR foi resgatado em Copacabana, após ser amarrado em um poste. Seu corpinho continha cicatrizes que, desconfiamos, pudesse ser de uma tentativa de utilizá-lo como isca em rinhas. Seu comportamento, ainda novinho, também demonstrava que havia sofrido algum trauma.

Esse lindão não poderia ter “caído” em melhores mãos. Flávia já estava de olho nos nossos cãezinhos, em busca do amigo perfeito. Quando viu Thor, decidiu que faria seu lar temporário.

O início não foi fácil, o menino tinha temperamento difícil. Mas Flávia não desistiu no primeiro percalço e, apesar de ser “mãe de cachorro” de primeira viagem, demonstrou ter pulso firme, paciência e muito amor, todos os requisitos de um ótimo tutor.

Thor fez progressos enormes e ainda está progredindo. Agora, como parte definitiva da família!

Thor com a mamãe Flávia

Thor com a mamãe Flávia

SOPHIE e sua irmã ESTRELA foram resgatadas de uma situação muito delicada, de uma família desequilibrada, onde sofriam negligências e maus-tratos.

Ambas foram resgatadas muito magrinhas, esqueléticas. Foram juntas para uma hospedagem em Friburgo e, na volta, começamos a buscar lares temporários para elas.

SOPHIE, um doce de cadela, super grudenta, logo encontrou seus anjos da guarda, Felipe e Jônatas, que de cara deixaram claro que queriam adotá-la.

Ela passou por um longo tratamento de pele que foi bem sucedido graças a dedicação dos papais, foi castrada e, finalmente, oficializamos a adoção!

A mocinha, que hoje se chama Sidney, é a dona da casa e, claro, do coração dos meninos!

Sophie com os papais Felipe e Jônatas

Sophie com os papais Felipe e Jônatas

ESTRELA, que tem o temperamento bem mais dominante e arisco que Sophie, também tirou a sorte grande. Encontrou em sua vida uma mamãe que a compreende, a respeita, a ama e mima como ela merece.

Liane ofereceu o lar temporário decidida a não adotá-la pois tinha sofrido muito com a perda de sua última cadela mas, com o passar do tempo e o laço que criaram, quando Estrela estava prontinha para procurar uma família, veio a boa notícia: ela já tinha encontrado! Liane era sua mãe defintivamente! Sorte a dela (e nossa também)!

Estrela e a dedicada mamãe, Liane

Estrela e a dedicada mamãe, Liane

LUVINHA e BOLOTA são filhotes da Margarida, cadela resgatada com os bebês de poucos dias no bairro do Catete.

Ainda bem novinhos foram acolhidos, como lar temporário, por Bianca e seu marido. O casal foi outro que não resistiu às delícias e travessuras dos filhotes e adotaram os dois! Mais uma adoção conjunta para nossa felicidade!

Hoje os sapequinhas se chamam Hulk e Laika e continuam deixando os papais de cabelo em pé! rsrs

Hulk e Laika com a mamãe Bianca

Hulk e Laika com a mamãe Bianca

GOLINHA também é filhote da Margarida e foi, com mãe e irmãos, com poucos dias de idade para a casa da nossa grande amiga e adotante Luciana.

Quando desmamaram, Luciana decidiu seguir com o lar temporário para um deles e o escolhido foi Golinha. O tempo passou e nossa amiga que já tinha 3 cadelas (duas adotadas conosco), um passarinho e uma gata, vivia o dilema se adotava ou não o fofinho, que estava cada vez mais apegado e adaptado.

Finalmente, Luciana tomou a decisão que seu coração mandava há muito tempo: adoção consumada! E, hoje, o menino sortudo se chama Jiló.

Essa família é quase uma filial do Lar Pá Pum! rsrs

Jiló super delicado com a mamãe Luciana

Jiló super delicado com a mamãe Luciana

TRONQUINHO é mais um filhote da Margarida que conquistou sua família temporária! Com cerca de 3 meses foi para a casa da Débora e seu marido, a título de lar temporário.

Após pensarem e pesarem os prós e os contras, o casal não resistiu ao fofo e oficializaram a adoção!

Tronquinho é astro no Facebook, com várias fotos lindas postadas pela mamãe, continua com suas levadices e esta felicíssimo ao lado dos pais.

Tronquinho e a mamãe Debora

Tronquinho e a mamãe Debora

O LAR TEMPORÁRIO é parte fundamental do nosso trabalho, já que não temos abrigo e nossa filosofia é a de preparar os animais para o convívio familiar.

Todas essas pessoas acima ajudaram muito o nosso grupo abrigando esses cães e tivemos a sorte que eles se apaixonassem pelos animais e os adotassem.

No entanto, muitas pessoas oferecem lar temporário e, posteriormente, quando o cão está pronto, ele encontra uma boa família definitiva, através da nossa divulgação na internet e Feirinhas de Adoção.

Se você pode abrigar um dos nossos animais, faça contato (larpapum@gmail.com). Dependemos de você para salvar mais e mais bichos dos maus-tratos e abandonos!

Lembrando que, durante o período de lar temporário, o Lar Pá Pum se responsabiliza por TODOS OS GASTOS do cão.

Faça parte dessa corrente do bem!

Nosso obrigada aos adotantes acima e felicidades às famílias!!!

Para conhecer nossos cães para adoção e em busca de lar temporário clique aqui.

Anúncios

6 Respostas to “Lares Temporários que viraram definitivos!”

  1. Clarissa 2 de maio de 2013 às 22:21 #

    Ah, quanta notícia boa! Essas maravilhas fazem nosso dia, né Vanilla (que adotamos com vocês!)? Ela tá aqui concordando e mandando beijos!
    Clarissa, Diogo e Vanilla

  2. Camila Lopes 2 de maio de 2013 às 23:06 #

    Chorei…minha velhinha foi uma das melhores coisas que decidi fazer na vida…obrigada pela oportunidade!!!

  3. Liane Maia 3 de maio de 2013 às 12:01 #

    Obrigada! Ver a minha Estrela “cricri” com uma carinha feliz é tudo de bom! bjs

  4. Elisabete Weinert Mendonça 3 de maio de 2013 às 14:18 #

    Queria agradecer a todos que deram lar temporário e aos que decidiram pelo amor adotar.
    Digo que é um ato de amor sim, pois é super fácil gostar de um bichinho lindo, sem problemas, gorducho e fofinho. O que não é o caso da maioria.
    Acompanhei o caso de minha amiga Liane, que adotou a Estrela, que para mim um doce de auau que sabe sorrir.Tinha certeza que no final do lar temporário ela seria a filhinha definitiva dela, pois o amor ali nasceu depois de muita dor da perda de um companheiro de quase 13 anos.
    Felicidades as famílias formadas pela escolha do amor e companheirismo.
    Abraços,
    Elisabete Weinert

  5. Érica Marinho 3 de maio de 2013 às 19:08 #

    Amei ler todas as histórias e fico muito feliz em fazer parte dessa corrente do bem.Bambina e Ficko estão muito bem e hoje nem imagino eles separados.Uma fez bem ao outro.Parabéns ao belo trabalho do Lar Pa Pum …e q muitos peludinhos possam estar com boas famílias.Bjus e lambeijos.

  6. Tana 6 de maio de 2013 às 9:55 #

    Adoro saber dessas adoções tão maravilhosos, onde animaizinhos que muitas das vezes estavam sofrendo muito com o desamor e até a crueldade de seres ditos humanos, são amparados, adotados e amados por seres humanos iluminados e com o coração cheio de amor. Felicidades aos papais, irmãozinhos humanos e caninos e aos adotados filhinhos caninos, Deus proteja e abençoe essas famílias formadas com base no amor.Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: